Entenda mais sobre a regeneração óssea guiada

4 minutos para ler

Inovações técnicas e tecnológicas têm promovido grandes avanços na área da saúde ao longo das últimas décadas. No que diz respeito à implantodontia, isso ocorreu de forma bastante acelerada. O desenvolvimento de técnicas cirúrgicas mais modernas caminhou lado a lado com o surgimento de novos biomateriais e novos conhecimentos na área.

Com isso, a previsibilidade e a taxa de sucesso dos implantes aumentaram significativamente, sobretudo graças ao emprego da regeneração óssea guiada. Essa técnica tem se mostrado extremamente eficiente e segura em diversos cenários, razão pela qual sua prática só vem aumentando.

Prossiga a leitura para compreender em que consiste a regeneração óssea guiada. Vou detalhar seus benefícios e quando ela é indicada, entre outras informações valiosas.

O que é ROG- regeneração óssea guiada?

Trata-se de um procedimento cirúrgico que tem por objetivo promover o crescimento de novo osso em pacientes que apresentam deficiência do tecido ósseo em regiões do maxilar ou da mandíbula. Muitas vezes, ele é realizado como medida preparatória para o implante dental.

Porém, em outros casos, a regeneração óssea guiada é empregada de maneira concomitante ao implante.

Como é realizado o procedimento?

Em linhas gerais, um biomaterial desenvolvido especialmente para esse fim, é colocado na região onde há osso insuficiente para a instalação do implante. Em seguida, é aplicada uma membrana biocompatível de alta tecnologia, que preserva o espaço necessário para a regeneração óssea.

Uma vez restabelecido o volume ósseo adequado, torna-se possível fixar o implante com segurança, garantindo sua função, padrão estético e durabilidade.

Quais os benefícios do procedimento?

A regeneração óssea guiada garante estabilidade à região na qual o novo osso se desenvolve e, consequentemente, a durabilidade do implante. O cirurgião tem a possibilidade de modular o crescimento ósseo na medida necessária em cada caso, fazendo com que o índice de sucesso do procedimento seja muito alto.

Vale lembrar que a alternativa à regeneração óssea guiada é o enxerto ósseo, cujo material é retirado, na maioria das vezes, do próprio paciente, o que implica em algumas limitações como, por exemplo, a quantidade disponível no paciente o que se necessita para a reconstrução. Há também outras pontos como morbidade cirúrgica, perda do enxerto, etc. Assim, quanto mais se puder optar pela ROG, melhor.

Quando a regeneração óssea guiada é indicada?

Via de regra, o procedimento pode ser adotado sempre que houver volume ósseo insuficiente para a instalação do implante. Tal quadro pode ter diversas origens, como defeitos causados pela extração de dentes, acidentes e sequelas.

Por que usar membranas?

As membranas representam parte fundamental da regeneração óssea guiada. São elas que isolam a região ocupada pelo biomaterial aplicado, criando um ambiente estável para que as células osteogênicas possam se multiplicar. Assim, o processo regenerativo não sofre a interferência nociva de microrganismos e células indesejáveis.

Quando é utilizada uma membrana de qualidade, como a Allumina, os benefícios são inúmeros. A sua aplicação não necessita de parafusos, e o processo de retirada também é simples. O próprio cirurgião é capaz de controlar a rigidez, resistência e plasticidade da membrana, conforme a necessidade. Tem alta biocompatibilidade e favorece a atração celular (histofilia), acelerando a regeneração, entre muitas outras vantagens.

A Allumina, produzida pela BiomacMed, é voltada para o desenvolvimento e fornecimento de materiais médico-odontológicos de alta tecnologia. A empresa tem mais de 30 anos de experiência nesse segmento — e é referência quando o assunto é implantodontia.

Portanto, se você ainda tem alguma dúvida sobre regeneração óssea guiada, entre em contato com a BiomacMed!

Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.